Candidatos negros ocuparão 20% dos cargos para promotor de Justiça

Cota racial em concurso foi aprovada pelo Órgão Especial do MP-SP

O próximo concurso público para ingresso na carreira de promotor de justiça contará com uma novidade. A proposta apresentada pela Procuradoria-Geral de Justiça, de reservar 20% dos cargos para candidatos negros, foi aprovada pelo Órgão Especial do Ministério Público de São Paulo. Outros 5% das vagas serão destinadas a portadores de deficiência física. No total, o próximo concurso deverá admitir 67 promotores de Justiça.

Com a decisão, a instituição se alinha ao entendimento adotado pelo Supremo Federal, que tem incentivado a adoção de ações afirmativas. Também no STF, cotistas têm direito a 20% das vagas nos concursos para provimento dos cargos. A AAJUMP (Associação dos Assistentes Jurídicos do Ministério Público do Estado de São Paulo) enxerga positivamente mais esta ação de apoio à diversidade no quadro pessoal da instituição.

Nossa História

Clique para conhecer um pouco mais Sobre a AAJUMP, a nossa história e nossos propósitos.

Acessar

Links Úteis

Acesse nossa lista de sites selecionados especialmente para você, tudo sempre à mão.

Acessar

Diretoria e Conselho

Saiba quem são as pessoas que compõe a nossa diretoria, quem está em sua representação.

Acessar

Convênios e Parcerias

Firmamos diversos convênios e parcerias com outras empresas para nossos associados.

Acessar

Convênios em destaque